Homem tem até dia 24 para examinar próstata através do Novembro Azul da Fundação Hospitalar

O primeiro passo é se dirigir ao Centro Municipal de Prevenção ao Câncer Romilda Maltez (CMPC). Ali, o cidadão terá acesso ao primeiro atendimento (triagem para exames laboratoriais) e será encaminhado para a realização de dosagem do PSA (conhecido por Antígeno Prostático Específico) – exame de sangue simples feito em laboratório que detecta alteração na próstata -, além de aferição de pressão e teste de glicemia.

O benefício é proporcionado pela campanha Novembro Azul, realizada pela Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), com o objetivo de conscientizar a sociedade e, em especial, aos homens, para conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata.

Com uma programação voltada para homens a partir de 45 anos, o CMPC também oferece, do dia 13 ao dia 24 deste mês, ultrassom da próstata, consulta com médico urologista e ainda palestras que abordarão sobre o tema. Mais do que qualquer outro tipo, é considerado um câncer da terceira idade, pois cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos.

O encerramento das campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul ocorre no próximo dia 25 (sábado) na Lagoa do Geladinho com uma programação especial.

No Brasil, a doença é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos e considerando ambos os sexos é o quarto tipo mais comum e o segundo mais incidente entre os homens, com taxa de incidência maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.

O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos métodos diagnósticos (exames), pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *