III Mostra de Artes da Escola Adenil Falcão revela semelhanças entre Brasil e África

Com o tema “África: histórias iguais, histórias diferentes”, a Escola Municipal Adenil da Costa Falcão, que fica no bairro Brasília, realizou nesta segunda-feira, 21, sua IIIª Mostra de Artes. Revelando as semelhanças entre o Brasil e a África, a mostra reuniu telas, instrumentos musicais feitos a partir de materiais reciclados, apresentações culturais e de dança dos dois países, como forma de comemorar o Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro.

“O objetivo da mostra deste ano é que os alunos reconheçam suas identidades, de onde viemos, quais as nossas raízes e nossas influências, principalmente de nós, baianos. O empoderamento também está presente na ação”, explica a coordenadora pedagógica da escola, Josiene Ramos de Lima Azevedo.

A mostra retrata danças como o “Kuduro”, a fauna da África, poesias e músicas do continente. Algumas personalidades também são estudadas, como o compositor brasileiro Carlinhos Brown e o escritor moçambicano Mia Couto. “O que eu achei de mais parecido com o Brasil foram algumas danças, além da hospitalidade e certos costumes. Eu adorei estudar a África”, conta Camila Pereira da Silva, aluna do 5º ano B.

Fonte: PMFS

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *