Mais de 5 mil temporários serão contratados para reforçar a Saúde

Economia autoriza a contração de 5.158 temporários para reforçar área da Saúde – Foto: Banco de imagens

OMinistério da Economia, por meio da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, e o Ministério da Saúde autorizaram na terça-feira (26) a contratação temporária de 5.158 profissionais para atuar no combate à pandemia do novo coronavírus em diversas cidades do País.

Portaria Interministerial n º 12.683/2020, publicada Diário Oficial da União, traz a relação de cargos e o quantitativo que será ocupado. São cargos tanto de nível intermediário – como técnicos de enfermagem e técnicos de laboratório –, quanto de nível superior – como médicos e psicólogos. A portaria também determina que os profissionais já podem ser contratados a partir deste mês de maio para atuar na assistência à saúde nas cidades que enfrentam a pandemia.

O prazo de validade dos contratos será de até seis meses, com o limite final em 31 de dezembro de 2020. O Ministério da Saúde definirá a remuneração, assim como a distribuição do quantitativo máximo de profissionais nas cidades.

As contratações temporárias previstas na Portaria serão custeadas com recursos orçamentários oriundos de Medida Provisória destinada à abertura de crédito extraordinário para enfrentamento do estado de calamidade pública no Brasil. 

Confira a relação de cargos e o quantitativo:

Com informações do Ministério da EconomiaCategoriaFinanças, Impostos e Gestão PúblicaTags: #Coronavirus#CoronavirusNoBrasilContratação TemporáriaSAUDE

CONTEÚDO RELACIONADO

VOLTAR AO TOPO

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *