FESTIVAL REUNIU FILARMÔNICAS EM SALVADOR

     Nos dias 14, 15 e 16 do mês de julho, o público de Salvador pôde assistir ao Festival Dois de Julho, que tem objetivo de reunir o maior número possível de filarmônicas do estado. A promoção foi da Secretaria de Cultura do Estado, através do Centro de Culturas Populares e Identitárias, e Fundação Cultural do Estado. As bandas musicais e filarmônicas interessadas se inscreveram na chamada pública, que foi aberta no dia 20 de maio e assim permaneceram até o dia 18 deste mês de junho. Através de uma curadoria especializada foram selecionadas 12 instituições que irão participar das apresentações no Pelourinho, no mês de julho.

As 12 selecionadas receberam R$20 mil. “Uma manifestação secular que mobiliza multidões em suas apresentações garantindo a diversidade e a memória musical da Bahia. O Festival Dois de Julho – Filarmônicas  da Bahia é uma ação de   incentivo e valorização  a essa importante tradição do estado”, ressalta Ricardo Rosa, coordenador de música da Fundação   Cultural do estado.

Em Feira de Santana três entidades – Euterpe Feirense, Vitória e 25 de Março – representam esse segmento da cultura musical brasileira, todas acumulando um passado de muitas glórias e respeito da sociedade local, isso até a metade do Século XX, quando ainda eram muito requisitadas em eventos religiosos, festejos populares e solenidades públicas.

*Colaboração: Zadir Marques Porto – Jornalista

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *